Sebrae maio 1

Sebrae maio 1
Consultores

sexta-feira, 3 de junho de 2022

FIJ elege sua nova diretoria e FENAJ se mantém no Comitê Executivo

A jornalista francesa, Dominique Pradalié, é a nova presidenta da Federação Internacional dos Jornalistas (FIJ). Ela foi eleita pelos delegados do 31° Congresso Mundial dos Jornalistas, que se encerra nesta sexta-feira, em Mascate, capital de Omã. Na mesma eleição, a presidenta da FENAJ, Maria José Braga, elegeu -se para um novo mandato no Comitê Executivo da FIJ.


Junto com Dominique foram  eleitos para o Comitê Administrativo a peruana Zuliana Lainez, para a primeira vice-presidência (sênior); o inglês Jim Boumelha, para a tesouraria, e, para as outras duas vices-presidências, a indiana Sabina Indrejit e o palestino Abu Baker Nasser.

Já para o Comitê Executivo, além da presidenta da FENAJ, foram eleitos outros 15 integrantes de vários continentes e países. Maria José foi a segunda candidata mais votada, atrás somente da representante do Sindicato Nacional do Canadá, Jeniffer Monreau.

A FENAJ foi representada no 31° Congresso Mundial dos Jornalistas pela presidenta e pelo vice-presidente, Paulo Zocchi. Os principais temas discutidos foram a segurança dos jornalistas, o perigo da vigilância por programas como o Pegasus, a precarização das relações de trabalho e a própria organização sindical.

Foram aprovadas mais de 40 propostas de ações para a FIJ e suas entidades filiadas. A América Latina conseguiu aprovar as cinco propostas coletivas que apresentou. A FENAJ teve aprovada duas moções: uma de repúdio às agressões de Jair Bolsonaro a jornalistas e suas ameaças à democracia; outra em apoio ao jornalista Rubens Valente, condenado recentemente a indenizar o ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes. A FIJ vai apoiá-lo em sua apelação à Comissão Interamericana de Direitos Humanos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário