Loja virtual Sebrae

terça-feira, 30 de novembro de 2021

Wanderlei Barbosa cancela concessão dos serviços turísticos do Jalapão

A decisão do governador em exercício foi anunciada durante audiência pública na cidade de Mateiros nesta terça-feira, 30, na presença da representante do BNDES, Camila Costa. Audiência pública que ocorreria em Palmas nesta quarta-feira, 1º, também está cancelada

Governador Wanderlei Barbosa determina cancelamento da concessão dos serviços turísticos do Jalapão. Foto: Tharson Lopes

Wanderlei Barbosa afirmou que estava disposto a ouvir a população sobre o projeto de concessão e apenas deu continuidade ao que estava sendo trabalhado na gestão anterior. “Eu não sou a favor da concessão. Eu vim aqui para tranquilizar o povo do Jalapão que no meu Governo eu não farei nada que prejudique ou que preocupe a população de Mateiros, São Félix ou os donos de atrativos”, afirmou o Governador.

Desta forma, com o aval da população que pediu pelo cancelamento do projeto de concessão, Wanderlei Barbosa determinou seu cancelamento. “Se não for a vontade do povo do Jalapão, nós não vamos fazer, nós vamos cancelar. Amanhã terá um decreto no Diário Oficial do Estado [DOE] dizendo que por força da população está encerrado o processo de concessão especificamente do Jalapão . Não irei tratar mais deste assunto”, afirmou.

Um Projeto de Lei deve ser enviado, nos próximos dias, para a Assembleia Legislativa para revogar os termos da Lei n° 3816 de 25 de agosto de 2021 que autoriza a concessão.

O presidente da Associação das Comunidades Quilombolas, senhor Adão Ribeiro, afirmou que sempre acreditou que o governador Wanderlei Barbosa ouviria a população e tomaria a decisão correta. “O senhor fez o que deveria ter feito com o nosso Jalapão. Estou orgulhoso. Agora, todos nós estamos de cabeça fria. Nós estávamos com esta grande preocupação, o Governador resolveu o problema da nossa sociedade”, considerou o líder quilombola. 

A moradora de Mateiros, Ana Cláudia, considerou sábia a decisão. “Vocês não sabem a alegria que jorra no coração do jalapoense. Nós tínhamos incertezas porque nós temos famílias, nós tínhamos medo. E por isso quero dizer ao Governador neste momento. O senhor fez história no Tocantins. O nosso Estado é marcado por histórias tristes. E nesta terça-feira, senhor Wanderlei Barbosa, quero lhe agradecer de coração, e o senhor tem todo o nosso respeito. Nós somos gratos. Muito obrigada!”, afirmou a moradora.

Wanderlei Barbosa destacou ainda, que a audiência pública que ocorreria em Palmas nesta quarta-feira, 1º, está cancelada.

Fonte: Governo do Tocantins

 

Inscrições para o Circuito Sesc de Corridas foram prorrogadas até 2/12

 Etapa virtual solidária terá renda revertida para a distribuição de cestas básicas

Foram prorrogadas até 2 de dezembro, as inscrições para o Circuito Sesc de Corridas (www.sesc.com.br/circuitodecorridas).  Mais uma vez, o evento contará com a parceria do Mesa Brasil Sesc para uma ação de solidariedade.

Entre os dias 4 e 12 de dezembro será realizada uma nova etapa virtual do circuito, com valor dos ingressos revertido para a compra de cestas básicas, que serão destinadas a famílias em situação de vulnerabilidade.

De acordo com o gerente de Lazer do Departamento Nacional do Sesc, Anderson Dalbone, incentivar a prática de atividade física aliada a uma ação solidária é muito gratificante. “Esse projeto nasceu justamente como a proposta de difundir um estilo de vida mais saudável. Associá-lo a uma ação tão importante como o combate à fome é mais um motivo para essa mobilização”, observa.

Interessados em participar da prova poderão se inscrever mediante doação no valor de R$ 20, que dá direito a camisa e medalha da etapa virtual do Circuito Sesc de Corridas. A prova será realizada em data, local e horário escolhidos pelo participante, dentro do período de 4 a 12 de dezembro. Os corredores poderão cumprir o percurso de 5km em ambiente externo ou em esteira ergométrica.

Para não deixar os atletas sem aquele momento tradicional de entrega da medalha no final da prova, será disponibilizado um filtro no Instagram Sesc Brasil, onde o corredor poderá aplicar a imagem da premiação na sua foto. Depois, basta compartilhar o resultado com os amigos nas redes sociais, marcando com #circuitosescdecorridas.

A camisa e a medalha serão entregues em janeiro, nas unidades indicadas pelos participantes em cada estado.

Participam do evento os estados do Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

Circuito Sesc de Corridas

Criado em 2018, o Circuito Sesc de Corridas está presente em todas as regiões do país, reunindo anualmente mais de 120 provas de rua. Em função da pandemia, o evento acontece pelo segundo ano em formato virtual. O projeto busca incentivar a prática de exercícios físicos e um estilo de vida saudável. As provas acontecem tanto nos grandes centros como em municípios do interior e comunidades periféricas, ampliando o acesso para os atletas e incentivando iniciantes na modalidade. Outra característica do circuito é promover a integração dos participantes e familiares, por meio de ações de lazer e entretenimento, realizadas paralelamente às provas, como jogos educativos, aulões de ginástica e recreação. 

Definidos os artesãos e entidades representativas classificados para 21ª Fenearte

 Wladimir Machado/Governo do Tocantins

Fenearte acontece de 10 a 19 de dezembro de 2021 no Centro de Convenções de Pernambuco

Evento será realizado no Centro de Convenções de Pernambuco

O governo do Tocantins, por meio da Agência de Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), divulgou no Diário Oficial nº 5974 de Sexta-feira, 26, a lista definitiva com os nomes dos artesãos e entidades representativas classificados para participarem da 21º Feira Nacional dos Negócios do Artesanato (Fenearte). Foram classificados dois artesãos individuais e cinco entidades representativas.

Além do capim dourado e das peças indígenas, serão levados para feira os artesãos e entidades que utilizem na produção das peças artesanais tipologias ce fibra, cerâmica, palha, miçanga, madeira e fruto.

Na categoria artesão Individual, foram selecionados os artesãos Marcio Bello dos Santos (Porto Nacional) e Durvalina Ribeiro de Sousa (Palmas).

Na modalidade entidades representativas, foram classificadas o Centro Cultural Kájre (Goiatins), Associação Dourada (Novo Jardim), Casa de Cultura Karajá (Ilha do bananal), Associação Comunitária dos Artesãos e Pequenos Produtores de Mateiros (Mateiros), Associação Dianopolina de Artesãos (Dianópolis).

A 21ª edição da Fenearte acontece de 10 a 19 de dezembro de 2021 no Centro de Convenções de Pernambuco. Neste ano, a feira homenageia o Movimento Armorial idealizado por Ariano Suassuna há 51 anos. A campanha gráfica mostra figuras iconográficas dos traços de Zelia Suassuna, que este ano completa 90 anos, e destaca o cinquentenário do romance A Pedra do Reino.

A edição da feira celebra também o reconhecimento do IPHAN, por meio do prêmio Rodrigo Melo Franco, como uma iniciativa de preservação do patrimônio cultural imaterial, reconhecimento importante por valorizar e difundir os saberes tradicionais.

Em 2019, a maior feira de artesanato da América Latina recebeu cinco mil expositores que ocuparam 800 espaços numa área de 30 mil m². Com investimento de R$5,5 milhões e geração de cerca de 2,5 mil vagas de empregos temporários, o evento movimentou cerca de R$ 45 milhões ao longo de doze dias e recebeu um público estimado em 300 mil pessoas.

A Fenearte é uma realização do Governo do Estado de Pernambuco, por meio da Agência de Desenvolvimento de Pernambuco e da Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado.

Evento será realizado no Centro de Convenções de Pernambuco

 

Mutirão do Refis 2021 em Palmas encerra na sexta, 03

Até sexta-feira, 03, palmenses podem negociar seus débitos com o município com descontos de até 100% em juros e multas

Foto: Lia Mara

O Mutirão de Renegociação Fiscal (Refis) 2021 superou os 4.539 atendimentos aos cidadãos que buscam as negociações desde o último 16 de novembro. A oportunidade de participar do Refis segue aberta até sexta-feira, 03, basta acessar o hotsite https://refis2021.palmas.to.gov.br/ para realizar agendamento para atendimento presencial, ou para fazer a negociação O último levantamento da Secretaria Municipal de Finanças, realizado na sexta, 26, também aponta que é a própria pasta quem responde pelo maior número de negociações, com 2.585 atendimentos. Em seguida, aparece a Procuradoria Geral do Município, com 780 contribuintes atendidos. Em terceiro lugar, o Cartório de Protestos, com 592 atendimentos, quarto a Contadoria, com 266 atendimentos, na sequência o cadastro imobiliário, com 239 atendimentos e Banco do povo, com 76 atendimentos.

Os atendimentos negociais de forma presencial acontecem de segunda a sexta-feira, das 8 às 18 horas, no Centro de Convenções Arnaud Rodrigues, já os agendamentos e consultas ficam abertos 24 horas.

O último Refis em Palmas foi em 2019, e a Secretaria de Infraestrutura acredita que o montante que será negociado neste ano chegará próximo ao arrecadado à vista na última negociação fiscal.

Quais dívidas podem ser negociadas?

As dívidas que estão sendo negociadas são os débitos fiscais e não fiscais, inscritos ou não em dívida ativa, que foram lançados até 30 de setembro de 2021. Entre essas dívidas constam Impostos em atrasos: Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) e Imposto Sobre Serviços (ISS); multas formais por descumprimento de obrigações, como falta de emissão da nota fiscal quando é obrigatório, multas cobradas pela fiscalização de poder de polícia, multas por descumprimento da legislação de licitações e contratos, multas de obras, posturas, uso do solo, meio ambiente, vigilância sanitária e transportes; financiamento do Banco do Povo: parcelas vencidas até o dia 30 de setembro de 2021; débitos decorrentes de preços públicos, do tipo concessão de quiosques e uso de bens públicos, outorga onerosa e alienações de bens e indenizações de qualquer natureza.

Prazo para pagamento

Os débitos podem ser parcelados em até 150 vezes. Porém quanto menor o número de parcelas, mais alto poderá ser o desconto conseguido. Estes descontos poderão chegar a até 100% das multas e juros para negociações de tributos, outorga onerosa e débitos do Banco do Povo; e a até 60% do valor total dos débitos das multas formais e das multas decorrentes do Poder de Polícia, com exceção das multas de trânsito, por possuir legislação própria.

Fonte: Secom Palmas Tocantins

segunda-feira, 29 de novembro de 2021

Orienta Naturatins encerra suas atividades de 2021

Orienta Naturatins 2021 encerrou suas atividades nos municípios de Natividade, Arraias e Taguatinga. Proprietários e empreendedores de atrativos turísticos também foram atendidos.

Ao total o Orienta Naturatins 2021 realizou 500 atendimentos em 19 municípios do Tocantins. Fotos: Fernando Alves

Os municípios de Natividade, Arraias e Taguatinga receberam na semana passada a última etapa do Orienta Naturatins 2021, ação do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) que visa aproximar o órgão aos usuários de serviços em todo o estado. A ação aconteceu na terça, quarta e quinta-feira passada, 23, 24 e 25, respectivamente, com um total de 65 atendimentos realizados na região.

Nessa etapa, o Orienta Naturaitns levou não só os serviços de licenciamento ambiental para produtores, consultores e empreendedores rurais, mas também, os serviços de atendimentos para proprietários e empreendedores de atrativos turísticos.

Os atendimentos para os atrativos turísticos tiveram o foco de tirar dúvidas e orientar a respeito da portaria nº 113/2021 que diz respeito ao licenciamento de atrativos naturais voltados para o ecoturismo, turismo rural e turismo de aventura.

A inspetora de recursos naturais, Fernanda Castro, ajudou na elaboração da minuta da portaria 113/2021 e dos termos de referência para o licenciamento dos atrativos naturais especiais e, para ela, esses atendimentos aos atrativos no Orienta dessa região mostra como o Naturatins tem realmente se preocupado com a questão do turismo de forma zelosa com os empreendedores.

“Esses atendimentos mostram que o órgão faz parte de um desenvolvimento eminente, de um momento histórico em que os atrativos turísticos, uma das maiores potências do estado, estão sendo abraçados e assistidos com muito cuidado. Então, para que esse crescimento seja saudável é necessária que haja essa integração do órgão com os empreendedores para que a conservação seja o ponto principal, a base principal desse crescimento”, disse a inspetora, que estava presente durante a ação realizando os atendimentos para os atrativos.

No município de Natividade, o empreendedor Juvenal Alencar, que é proprietário do atrativo da Cachoeira Paraíso, esteve presente no evento para tirar as dúvidas do licenciamento de seu atrativo e conta que saiu bem contente com o atendimento: “fui bem atendido, consegui tirar minhas dúvidas e vou agora no Ruraltins, para já dar encaminhamento ao meu licenciamento. Então foi muito bom e preciso esse atendimento e hoje, mais do que nunca, precisamos aprimorar mais a realidade do funcionamento dos atrativos e das fazendas de forma correta. Estou muito grato ao Naturatins de ter vindo até aqui dar essas orientações para gente”.

Licenciamento Ambiental

Além dos atendimentos aos atrativos turísticos naturais, o Orienta Naturatins também realizou os atendimentos de orientação para as licenças ambientais do órgão voltados aos produtores e consultores rurais desses municípios.

Os atendimentos realizados foram os de licenciamento ambiental, recursos florestais, outorga d’água, Cadastro Ambiental Rural (CAR), carteira de pesca e também serviços de protocolo e jurídico.

Para o gerente de recursos florestais, Rodrigo Sávio, essa última etapa do Orienta Naturatins foi muito importante para a região sudeste do estado. De acordo com o gerente, “O Orienta Naturatins tem o intuito de levar mais proximidade do órgão aos proprietários e funcionários técnicos. Então, trazer esse evento para o sudeste do estado, assim como já aconteceu em Paranã e Gurupi, é trazer mais esclarecimentos aos produtores da região, considerando que esta região está em pleno desenvolvimento agropecuário”.

A engenheira de minas, Núbia Braz, foi atendida no município de Arraias pelo Orienta e destacou também a importância da ação para essa região do estado. “O pessoal daqui de Arraias é carente demais, é um pessoal mais do interior, mais simples que tem uma certa dificuldade desses tipos de informação e até mesmo de acessar a internet. Então a ação é muito válida e aproxima mais deles, o presencial é sempre diferente”, disse a engenheira.

Já para a gestora ambiental, Adriana de Carvalho, que foi atendida em Taguatinga, o Naturatins ir até os municípios favorece os trabalhos, principalmente, dos técnicos. De acordo com a gestora, “Muito importante o Naturatins está vindo até as pessoas nos municípios, porque tem muitas pessoas que não tem as informações adequadas, até mesmo pra nós que somos técnicos, muitas vezes a gente não tem as informações necessárias e acaba fazendo de forma aleatória e tudo tem que seguir um procedimento certo”.

Para a gestora, além de esclarecer as dúvidas, a ação também aproxima o Governo do Tocantins à população. “Essa ação aproxima demais o governo da população. É muito importante que tenha esses eventos, porque a gente sempre tem processos nos órgãos e como a gente mora aqui em Taguatinga o acesso pra resolver tudo em Palmas fica mais complicado. O Naturatins vindo até a nossa cidade para nós fica mais favorável” concluiu a gestora.

Orienta Naturatins 2021

O Orienta Naturatins é uma ação da Diretoria de Gestão e Regularização Ambiental, que foi lançada no ano de 2020 para levar os atendimentos de serviços de licenciamento do Naturatins para os municípios do estado do Tocantins.

A ação percorreu um total de 19 municípios levando atendimentos do Bico do Papagaio ao sudeste do estado, do Cantão ao Jalapão e das regiões do sudoeste ao centro do estado. Ao total foram realizados por volta de 500 atendimentos que tiveram a finalidade de regularizar, orientar e dar celeridade aos processos dos usuários de serviços do órgão em todo o Tocantins.

Para o diretor de gestão e regularização ambiental, Felipe Mansur Pimpão, o Orienta buscou percorrer os municípios que possuíam mais dificuldades em acesso ao órgão.

De acordo com o diretor, “nós fizemos uma gestão tentando diversificar os locais de atendimento no estado, focando nos pontos que de alguma forma a gente percebeu uma carência na presença do Instituto. Então finalizamos o ano de 2021 com um quantitativo de 19 municípios e aproximadamente 500 atendimentos”. 

Para o diretor, a ação conseguiu atingir o objetivo de aproximar os usuários ao órgão, “tanto nós da equipe participante quanto as pessoas que vieram buscar os atendimentos, todos tivermos esse mesmo sentimento, um sentimento de estar mais próximo, de ser ouvido e a gente percebeu o tamanho da carência de alguns lugares no estado que ainda tem dificuldade no acesso ao órgão ambiental e muitas dúvidas a respeito do meio ambiente”, concluiu o diretor.

Para o presidente do Naturatins, Renato Jayme, a aproximação que a ação promove com os usuários melhora a imagem do órgão. De acordo com o presidente, “foram 19 edições atendendo aos produtores e empreendedores do nosso Estado na ponta, entregando todos os serviços do Naturatins com qualidade, aproximando o usuário dos nossos serviços e melhorando a imagem do nosso órgão”.

O Orienta Naturatins está alinhado às diretrizes do Governo do Tocantins para levar informações, dar celeridade e reduzir a burocracia em todo o estado afim para contribuir com o desenvolvimento econômico do Tocantins.

Fonte: Ascom Naturatins

Sebrae Tocantins subsidia startups para o Rio Inovation Week

As inscrições estão abertas e as startups poderão participar com subsídios do Sebrae que podem chegar a 100%

O maior encontro de inovação, tecnologia e cultura da américa latina, Rio Inovation Week, está com inscrições abertas. O evento, de 13 a 16 de janeiro de 2022, é voltado para empreendedores, investidores, jovens, profissionais do futuro, executivos e representantes do governo.

E para que as startups do Tocantins, tenham a oportunidade de conhecer e participar, o Sebrae Tocantins está promovendo uma missão técnica para o encontro, que será debatida e apresentada nesta segunda-feira, 29, às 19h, via google meet.

Para os empresários que se interessem em participar como expositores do Rio Inovation Week, caso atendam os critérios e sejam selecionados, o Sebrae irá subsidiar 100% das despesas.

Para quem vai como visitante, o subsídio será de 50% entre passagens aéreas, hospedagem e traslado do hotel para o evento. Outra grande vantagem será o subsídio de 100% dos ingressos do evento para quem estiver no grupo da missão.

A programação do evento pode ser acessada no link: https://rioinnovationweek.com.br/o-riw/

De acordo com Rogério Maracaipe, analista técnico do Sebrae, o encontro será uma oportunidade de o empresário se preparar para o futuro e para os impactos da tecnologia na transformação dos negócios e da sociedade.

“O Sebrae Tocantins almeja que as empresas inovadoras, startups e demais participantes dessa missão técnica, consigam em um só evento realizar diversos contatos com potenciais parceiros em negócios, além de participarem de diversos eventos inspirativos que possam estimular a inovação na prática em seus negócios aqui no Tocantins”. 

Fonte: Assessoria de Imprensa do Sebrae Tocantins

Cia Contágius celebra os trinta anos de história com vídeo arte

Edlusa Portela

Comemorando 30 anos de caminhada, a Cia. Contágius de Dança, presenteia o grande público com o vídeo arte de dança e teatro: “Homem de Uma Alma Só”. No dia 30 de novembro, às 19h30, acontece o avant première para apresentação do projeto, na Sala Sinhozinho no Espaço Cultural que leva o nome de José Gomes Sobrinho.

A obra é resultado de parceria entre a Associação Contágius – Dança e Teatro e o Curso de Teatro do Centro de Criatividade da Fundação Cultural de Palmas, através de duas oficinas ministradas para os alunos, que se tornaram o elenco desse trabalho, uma de composição coreográfica, da coreógrafa e professora de dança Meire Maria e outra de vídeo dança, com o coreógrafo e professor de dança Fernando Faleiro.

Divulgação

A Cia. Contágius de Dança retoma as atividades artísticas, pós - pandemia, em um trabalho de homenagem in memorium, muita disposição e conexão à cidade de Palmas, por meio de oficinas e desenvolvimento criativo com os próprios alunos, que nunca antes haviam dançado profissionalmente.

“Foi um trabalho desafiador, mas que me proporcionou um reencontro com os primeiros momentos da história de Palmas e da companhia, onde trabalhava com alunos que ingressavam no mundo da dança, naquele momento e, que hoje são profissionais incríveis atuando mundo a fora”, ressalta a coreógrafa Meire Maria.

Os alunos integram o curso de teatro do Centro de Criatividade do Espaço Cultural José Gomes Sobrinho, ministrado pelo diretor e professor Cícero Belém. Ao longo de dois meses e meio, realizaram um intenso trabalho de consciência corporal, estudo, pesquisa e criação coletiva para dar vida às inquietações inspiradas pela obra “Fio de Prumo” de José Gomes Sobrinho que foi lançada em 2003. 

O ator e professor Cícero Belém, relembra que a coreógrafa Meire Maria tem toda uma caminhada junto à história do Espaço Cultural, por ter sido a primeira professora de dança do Centro de Criatividade, que acabou de comemorar 25 anos: - “o vídeo arte é também um reencontro entre Meire Maria e sua companhia de dança naquele espaço. Nesses trinta anos de trabalho, Meire presta uma contribuição imensurável ao fazer artístico do Estado”.

Para a jornalista, Aldenes Lima, uma das alunas que participou do trabalho, a proposta foi inquietante, mas garante sair com outra concepção corporal: - “Foi uma honra sem tamanho, estrear no mundo das artes, em uma homenagem ao seu José Gomes, com quem tive a felicidade de conviver na época de O Jornal e sob a direção da Meire Maria é fantástico!”, esclarece emocionada.

“Homem de Uma Alma só”, traz em seu enredo uma homenagem ao poeta e fundador da Cia. Contágius de Dança, José Gomes Sobrinho. No decorrer do vídeo arte os estudantes de teatro recitam trechos do livro “Fio de Prumo”.

O enredo também promove a visão de cada um sobre o todo, situações em que vivemos hoje, em um mundo “individualizado” e que, talvez para sobrevivermos melhor a isso, a poesia nos toque com maior sensibilidade.

Sobre a homenagem a viúva do saudoso Zé Gomes, Gilda Gomes, com imenso carinho, relembra a relação do poeta com a Cia. e a coreógrafa: - “Me sinto lisonjeada, e Meire vem provar o que eu acredito, ele não morreu, ele continua vivo na memória dos que o conheceram”, pontua.

Avant première

No dia 30 de novembro, às 19h30, acontece o avant première para apresentação do projeto, na Sala Sinhozinho no Espaço Cultural que leva o nome de José Gomes Sobrinho.

O evento é restrito a convidados da imprensa, elenco, técnicos e funcionários da Fundação Cultural de Palmas. O trabalho estará à disposição de forma gratuita para o público a partir do dia primeiro de dezembro, no site da Fundação Cultural de Palmas ( https://www.palmas.to.gov.br/portal/orgaos/fundacao-cultural-de-palmas/46/ ).

A obra foi contemplada pelo Programa Municipal de Incentivo à Cultura – PROMIC de Palmas de 2019.

Cia. Contágius de Dança

A Cia. Contágius de Dança completa 30 anos de existência e inúmeras produções culturais e artísticas. Consolidou sua brilhante carreira, tornando-se uma das maiores referências da dança da cultura tocantinense, com vários espetáculos e produções culturais premiadas, além da formação de alunos e profissionais da área.

Meire Maria Monteiro

Meire Maria Monteiro é coreógrafa, professora, pesquisadora e ativista cultural. Em 1990, estabeleceu-se como pioneira em Palmas, onde iniciou seus trabalhos e apresentações como bailarina e coreógrafa, ocuparam cargos públicos referentes à cultura e fundou algumas escolas de dança, como: Escola de Dança da Universidade Luterana do Brasil (ULBRA), Escola de Dança do Centro de Criatividade do Espaço Cultural José Gomes Sobrinho, Núcleo Estadual Avançado de Dança (NADANÇA), bem como, a sua própria escola e a Cia. Contágius de Dança e Teatro. Atualmente é representante da Cadeira de Dança e Presidente do CPC/TO (Conselho de Políticas Públicas do Estado do Tocantins).

José Gomes Sobrinho

José Gomes foi poeta, escritor e musicólogo, membro imortal das Academias Palmense e Tocantinense de Letras. Foi também fundador da Associação Contágius – Cia. de Dança e Teatro, e, Presidente do Fórum Nacional de Conselheiros Estaduais de Cultura e do Conselho de Políticas Culturais do Estado do TO.

Ficha Técnica:

Direção Geral: Meire Maria Monteiro

Direção de Vídeo: Fernando Faleiro

Produção Executiva: Regina Reis e Elyane Monteiro

Cinegrafista: Paulo Costa

Fotógrafas: Lísia Fernanda e Gabi Gramont

Assistente de Produção: Ana Beatriz Vasconcelos

Bailarinos Convidados: Dênis Rodrigues e Émerson Gama

Elenco: Aldenes Lima, Gustavo Formiga, Isabella Resende Araújo, Luara Nogueira Barbosa, Marlon Fernandes, Pedro Henrique Gomes Barbosa, Renato Augusto Fontanelli, Vitória Benati e Wiliane da Silva Pinto

Assessoria de Imprensa: Edlusa Portela

Marketing digital: Hayla Menares

Agencia publicitária: Marlos Garcia Original Soundtrack Composer

Serviços:

Para assistir:

https://www.palmas.to.gov.br/portal/orgaos/fundacao-cultural-de-palmas/46/

Data: a partir do dia 1/12/2021

Valor: gratuito

Assessoria de Imprensa: Edlusa Portela

Contato: (63) 98135.4550

 

Abrajet-Pará comemora 15 anos de atuação com exposição na 9ª FITA

Jornalistas responsáveis por blogs, sites e veículos de divulgação do turismo se reuniram no espaço “Experiência Pará”, na 9ª Feira Internacional de Turismo da Amazônia (FITA), na Estação das Docas, em Belém, para festejar os 15 anos de atuação da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo – Seccional Pará (Abrajet-Pará). A entidade sem fins lucrativos foi criada em 2006, com o apoio da extinta Companhia Paraense de Turismo (Paratur), e a missão de divulgar e promover ações voltadas ao turismo no Estado do Pará.

Durante a cerimônia, visitantes e representantes do trade paraense prestigiaram o lançamento da exposição itinerante “Abrajet-Pará: 15 anos divulgando o turismo paraense”, que irá percorrer as principais feiras e eventos de turismo no Brasil, em 2022, já com a tarefa de reafirmar os laços com os parceiros e captar outros apoiadores para a próxima edição do Prêmio de Jornalismo em Turismo “Comendador Marques dos Reis”.

Considerado um dos principais projetos da entidade, o Prêmio de Jornalismo em Turismo Comendador “Marques dos Reis” teria uma edição em 2020, mas por conta da pandemia, teve que ser adiado. Seu objetivo é premiar, em parceria com o Governo do Estado e outras instituições as melhores reportagens em cinco categorias profissionais: jornalismo impresso, telejornalismo, fotojornalismo, radiojornalismo e webjornalismo.

A exposição foi idealizada pela jornalista Julie Rocha, com arte do designer Márcio Euclides e apoio de associados e suas mídias que divulgam o turismo, os jornalistas Nilton Guedes, Benigna Soares, Isa Arnour, Franssinete Florenzano, Tânia Monteiro, Fernando Nobre, Wilson Soares e Emanuel Leite.

É composta por seis painéis ilustrados por imagens premiadas que retratam momentos importantes de atuação da Abrajet-Pará, desde a história de sua fundação à cerimônia de entrega do V Prêmio de Jornalismo de Turismo, em dezembro de 2019, último grande evento da entidade antes da pandemia de Covid-19.

Segundo ela, a atividade turística foi muito prejudicada pela pandemia, mas agora o momento é de pensar em retomada e renovação. “Estamos nos reposicionando para apresentar uma nova proposta para a entidade, a partir do que sabemos fazer, uma comunicação voltada ao turismo, com coberturas jornalísticas dentro e fora do estado, assessoria de imprensa, ações de press trips para que jornalistas locais, nacionais e internacionais visitem o Pará e produzam reportagens para concorrer ao prêmio e outros projetos que visem divulgar nossos destinos. Ou seja, também somos paraenses e fazemos parte dessa cadeira turística que atrela todos numa vontade, a promoção do destino Pará”, disse Julie Rocha.

A fundadora da entidade, a jornalista Benigna Soares lembrou que a Abrajet-Pará surgiu em um momento em que o Pará era cenário de muitas reportagens sobre violência urbana, conflitos agrários, queimadas, desmatamentos e outras pautas negativas. “Nessas quase duas décadas contribuímos muito para inverter essa pauta e mostrar que o Pará detém mais de 50% dos atrativos turísticos naturais de toda a Amazônia. Personagens e temas foram apresentados à mídia mundial e ao trade com o Prêmio de Jornalismo em Turismo, com muita responsabilidade com o desenvolvimento sustentável do Pará. Então, devemos celebrar os 15 anos da Abrajet-Pará com sentimento de gratidão aos parceiros e a certeza de dever cumprido”.

Homenagens 

Na abertura da exposição, o presidente da Abrajet Nacional, Evandro Novak (SC), que veio especialmente ao estado para celebrar os 15 anos da seccional Pará, e o presidente da Abrajet-Pará, Nilton Guedes, entregaram troféus a importantes parceiros da entidade e do Prêmio de Jornalismo em Turismo, entre eles, o secretário de turismo, André Dias, e o coordenador do Conselho Empresarial deTurismo e Hospitalidade do Pará (Cetur/Fecomércio), Joy Colares. “Eu agradeço à parceria com a Setur no desenvolvimento do turismo em nosso estado. Essa é a nossa missão e estamos sempre abertos a todo os projetos que visem a esse objetivo”, disse André Dias, ao receber o troféu do presidente da Abrajet Nacional, Evandro Novak.

Ao entregar o troféu ao diretor do Cetur/Pará, Joy Colares, o jornalista Nilton Guedes, também é vice-presidente da Abrajet Nacional, falou da habilidade que o empresário representa no segmento turístico e que “tem sido o elo fundamental para o desenvolvimento turístico no Estado do Pará. Nosso muito obrigado pela parceria com a Abrajet”.

Joy Colares, que foi um dos grandes apoiadores do V Prêmio de Jornalismo em Turismo, em 2019, disse que o momento atual do turismo é de expectativa e de se reinventar. “É com muita honra que a gente recebe essa premiação porque nós criamos o cargo de diretor de turismo da Fecomércio e estamos trabalhando nos 144 municípios do estado, mas veio a pandemia que deu uma pausa em toda a atividade, mas agora, nós do estado do Pará, estamos com grande expectativa para reinventar o turismo, e parcerias como da Abrajet-Pará são muito importantes”, disse Joy Colares.

Segundo Evandro Novak, uma entidade com histórias, com tantos eventos e com uma equipe forte que trabalha em prol do turismo deve ser lembrada. “A Abrajet-Pará significa o fortalecimento da Abrajet Nacional. Abrajet-Pará é destaque entre as demais seccionais da Abrajet. Fica os meus parabéns a todos os abrajeteanos que nesses 15 anos deram de si para que a Abrajet-Pará fosse hoje o que é, uma entidade com credibilidade, 15 anos não são 15 dias. É uma história que deve ser lembrada e comemorada”, ressaltou.

A exposição itinerante “Abrajet-Pará”: 15 anos divulgando o turismo paraense foi apresentada na 9ª Feira Internacional de Turismo da Amazônia (9ª FITA), na Estação das Docas, em Belém, e deve seguir para outras instalações no estado e para importantee feiras do segmento, como Expo Abav 2020 e Festival de Turismo de Gramado (Festuris 2020). É realizada pela Abrajet-Pará e sites Prazer em Viajar, Pará Trip, Benigna Soares, O Mundo me Espera, Uruá Tapera, programas Panorama Amazônico, Grupo Estado de Comunicação Online Digital, jornal A Voz do Xingu e canal Turismo Aqui. Tem apoio da Abrajet Nacional, Setur e Estação das Docas.

Divulgação Abrajet-Pará. Fotos: Fernando Nobre

 

Feira Literária do Sesc Tocantins começa nesta segunda-feira em Palmas

A primeira edição da FLITO – Feira Literária do Sesc Tocantins na capital tocantinense, começa nesta segunda-feira, dia 29 de novembro e vai até o dia 03 de dezembro. Estão previstas troca de livros e gibis, narração de história, debate literário, clube de leitura oficinas e mostra.

Irma Galhardo. Foto: Iva Maria

Diferente da edição de abril que foi apenas de forma online, agora a FLITO terá a programação de forma presencial no Centro de Atividades do Sesc Palmas (502 Norte) e também online pelo Facebook e Youtube do Sesc Tocantins.

Quem quiser ajudar poderá contribuir com um quilo de alimento não perecível, que será repassado ao programa Mesa Brasil e doado a famílias carentes da capital. Informações pelo telefone (63) 3212-9909 ou pelo email cultura@sescto.com.br.

As ações culturais do Sesc têm o objetivo de democratizar o acesso da comunidade em geral. Com a criação da FLITO, a instituição pretende levar ainda mais opções de cultura para os tocantinenses. A Feira Literária do Sesc Tocantins tem como principal objetivo, o de incentivar a leitura através de diversas atividades culturais.

Dentro da programação da FLITO estão ações como troca de livros, oficinas, rodas de conversas, exibição de filmes, narrações de histórias entre outras realizações.

Confira a programação da FLITO – Feira Literária do Sesc Tocantins no Centro de Atividades do Sesc Palmas:

29/11
Mostra Literária “Hai-Kais”, Millôr Fernandes

Abertura: 09h

Sinopse: O jornalista, escritor, poeta, desenhista, dramaturgo, tradutor e frasista Millôr Fernandes (1924-2012) produziu uma vasta obra, acessível e dotada de uma grande lucidez crítica. Utilizando quase sempre os recursos do humor, tornou-se um dos mais relevantes intelectuais da cultura brasileira. Esta mostra com seus hai-kais e desenhos é um aperitivo do
trabalho que esse artista genial nos deixou.

Entrada franca

Oficina - Ilustração para quem “não sabe” desenhar, com Ciro Aguiar.

Dias: 29/11, 30/11, 01/12, 02/12 e 03/12

Horário: 19h às 21h

Carga horária: 10h

Inscrições: 26/11

Público-alvo: interessados em ilustração de livros, com ou sem experiência com desenho.

Número de vagas: 20

Link de inscrição: https://forms.gle/aMdGzfTxo5mGLbz6A

Dia 30/11

Feira de Troca de Livros e Gibis - Hall de entrada C. A. Palmas

Horário: das 09h às 19h

Registro de saberes - A Biblioteca como espaço de práticas leitoras: a importância da seleção do acervo e da diversificação de obras e gêneros literários - com Ninfa Parreiras

Mediação: Adriana Dutra (Departamento Nacional do Sesc)
Horário: 17h - transmissão pelo YouTube e Facebook do Sesc/TO

Dia 01/12

Feira de Troca de Livros e Gibis - Hall de entrada C. A. Palmas
Horário: das 09h às 19h

Clube de Leitura - Um conto de Natal, Charles Dickens

Horário: 17h - Biblioteca do Centro de Atividades de Palmas (502 Norte)  

Literatura na Biblioteca: Debate literário com os escritores Ronaldo Teixeira e Lucelita Maria, mediação Tácio Pimenta Horário: 19:00 - transmissão pelo YouTube e Facebook do Sesc/TO

Debate Literário

Hora: 19h

Transmissão: YouTube e Facebook do Sesc/TO

Debate literário com a escritora Glória Azevedo e Gilson Cavalcante, mediação do Tácio Pimenta

Tema: “O moderno poético e o prosaico ancestral na literatura tocantinense”

Um bate-papo literário sobre “Transwebhumanas - Vinhetas, Metatratados & Baladinhas Poéticas", de Ronaldo Coelho, e “Sobre Dora e Dores”, de Lita Maria.

Dia 02/12

Feira de Troca de Livros e Gibis - Hall de entrada C. A. Palmas
Horário: das 09h às 19h

Literatura na Biblioteca: Narração de histórias com Irma Galhardo

Hora: 16h

Local: Biblioteca infantil - Centro de Atividades Sesc Palmas
Aberto ao público com agendamento prévio (pelo telefone 3212-9909  pelo email: 
literatura@sescto.com.br).

Vagas limitadas: 20 pessoas

Literatura na Biblioteca: Narração de histórias com Irma Galhardo
Contação de histórias com uso de cenário e de bonecos. As histórias apresentadas baseiam-se em narrativas dos Irmãos Grimms, de Câmara Cascudo e em lendas regionais rimadas.

Filme - A raposa má, de Benjamin Renner, Patrick Imbert
Horário: 16h e 19h

Duração: 1h 20min

Local: Cinesesc (Centro de Atividades do Sesc Palmas, na 502 Norte)
Classificação: Livre

Dia 03/12

Literatura na Biblioteca: Narração de histórias com Irma Galhardo

Data: 03 de dezembro

Hora: 16h

Local: Biblioteca infantil - Centro de Atividades Sesc Palmas
Aberto ao público com agendamento prévio (pelo telefone 3212-9909 ou pelo email: 
literatura@sescto.com.br).

Vagas limitadas: 20 pessoas

Literatura na Biblioteca: Narração de histórias com Irma Galhardo
Contação de histórias com uso de cenário e de bonecos. As histórias apresentadas baseiam-se em narrativas dos Irmãos Grimms, de Câmara Cascudo e em lendas regionais rimadas.

Fonte: Ascom Sesc Tocantins