Loja virtual Sebrae

quarta-feira, 18 de agosto de 2021

PL sobre a responsabilidade solidária do agenciamento de viagens propõe respaldo ao consumidor

A Comissão de Defesa do Consumidor, presidida pelo deputado Celso Russomano (Republicanos-SP), recebe e avalia nesta quinta-feira, 18, proposta do Projeto de Lei 908, pela regulação da responsabilidade solidária das agências de turismo pelas atividades de intermediação de serviços que realizam

De autoria da deputada Aline Gurgel (Republicanos-AP), o PL 908/2021 traduz medida de equilíbrio, equidade e justiça na clarificação da proporcionalidade da responsabilidade da cadeia de fornecimento e intermediação de produtos e serviços de viagens e turismo ante falhas de atendimento ao consumidor. 

Mais do que corrigir uma inconsistência da legislação em vigor, a aprovação do PL dará fim a incontáveis processos de judicialização que se arrastam sem garantias de ressarcimento ao consumidor, ou culminam na injusta penalização das agências de turismo, meras intermediadoras, em igual proporção ao que é atribuído aos fornecedores que detêm a propriedade dos produtos ou serviços não entregues.

São milhares de ordens judiciais para que agências de turismo ressarçam consumidores por danos materiais e morais, por mais que comprovadamente não tenham falhado no seu atendimento ou contribuído, sequer indiretamente, para a ocorrência de tais danos.

Os números são catastróficos quando remetidos aos casos relacionados à pandemia de Covid-19, que paralisou as atividades do turismo impondo um contexto altamente temeroso à sustentabilidade das agências de viagens ante uma avalanche de cancelamentos e adiamentos de viagens, só ultrapassada graças à atribuição de legislação especial, em atendimento aos pleitos de entidades setoriais como a Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV Nacional).

Como representante da maior rede de agenciamento e distribuição de viagens e serviços turísticos do Brasil, tendo a base associada formada por  milhares de empresas de turismo, nas mais variadas modalidades, dentre agências de viagens tradicionais e online, dos segmentos de lazer, corporativo,  educacional e de intercâmbio, entre outros, além de operadoras e consolidadoras, a ABAV Nacional encampa nesta quarta-feira uma ampla mobilização de parlamentares pela aprovação do PL 908, em caráter conclusivo.

Depois da Comissão de Defesa do Consumidor, o projeto será submetido também às Comissões de Turismo, e de Constituição e Justiça e de Cidadania, presididas, respectivamente, pelos deputados João Carlos Bacelar Batista (Podemos-BA) e Bia Kicis (PSL/DF), antes de ser encaminhado para as comissões de mérito do Senado Federal.

Fonte: Ascom/Abav

Nenhum comentário:

Postar um comentário