segunda-feira, 15 de novembro de 2021

Programa Inova Amazônia será apresentado ao setor industrial a partir de hoje, 16 de novembro

Empresários poderão receber mentoria por dois meses e apoio financeiro

Com o objetivo de orientar sobre o Edital Inova Amazônia, o Sebrae Tocantins realiza em parceria com o Senai uma agenda de oficinas voltadas para o segmento da indústria, a partir desta terça-feira, dia 16 de novembro, em Palmas, Paraíso e Araguaína para esclarecer as dúvidas acerca do Programa. 

Empreendedores que buscam desenvolver seu negócio de maneira sustentável, com recursos naturais, podem receber uma bolsa no valor de R$72 mil reais para acelerar sua ideia.

O Sebrae vai selecionar projetos para desenvolver negócios inovadores que fortaleçam a bioeconomia em sete estados que fazem parte do Bioma da Amazônia, entre eles o Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Rondônia, Roraima e Tocantins. A submissão das propostas encerra no dia 28 de novembro.

O coordenador estadual de Inovação do Sebrae Tocantins, Rogério Maracaipe, explica que o programa busca estimular empreendimentos e novos negócios a pesquisar e utilizar, conscientemente, a biodiversidade, de maneira que seus recursos sejam renovados durante o uso, inclusive no ramo industrial.

“Em nosso estado, temos muitas indústrias que têm o desejo de inovar na produção de seus produtos, mas esbarram na dificuldade de obter conhecimento e recurso necessário para essa ação, seja na fabricação de produtos alimentícios, materiais da construção civil e ou mesmo do setor energético e inovações tecnológicas”, detalhou.

A seleção faz parte do Programa Inova Amazônia, que tem como objetivo estimular startups, micro e pequenas empresas inovadoras a desenvolverem produtos e serviços sustentáveis, a partir dos recursos naturais da biodiversidade da região.

Podem participar os segmentos da Indústria, Bioeconomia, que incluem a Agricultura; Aquicultura e Pesca; Alimentos; Bebidas; Biocombustíveis; Bioenergia; Bioplásticos e Embalagens; Casa e construção; Ecodesign; Ecoturismo; Farmoquímico e Farmacêutico; Fitoterápicos e Nutracêuticos; Florestas; Higiene, Perfumaria e Cosméticos; Indústria Têxtil e Moda; Química e Novos Materiais; e Tecnologia da Informação e Logística.

Etapas
Na fase 1 serão avaliadas as propostas inovadoras. Os projetos selecionados receberão capacitação, preferencialmente, de forma on-line, durante um período de dois meses, denominada pré-aceleração. Já na etapa 2, é avaliado o projeto empresarial dentre os que foram selecionados anteriormente, e em seguida acontece a Aceleração, com apoio financeiro, por meio da Bolsa de Estímulo à Inovação, durante seis meses.

Bolsa
A bolsa será no valor de R$72 mil reais, sendo R$ 6.000,00 por mês, em um valor total de R$ 36.000,00 para cada um dos dois sócios, a ser liberado em até seis parcelas.
Confira o edital completo e mais detalhes sobre o Inova Amazônia em https://www.sebrae.com.br/inovaamazonia

Programação

16/11 – Palmas

14h - Centro de Educação e Tecnologia (CETEC)

17/11 – Paraíso

9h - Centro de Formação Profissional  (CFP)

18/11 – Araguaína

14 - Araguaína – Centro de Educação e Tecnologia (CETEC)

Fonte: Assessoria de Imprensa do Sebrae Tocantins

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário