Loja virtual Sebrae

segunda-feira, 6 de julho de 2020

Ministério da Educação indica diretor temporário da Universidade Federal do Norte do Tocantins

O Ministério da Educação indicou na sexta-feira, 3, o professor Airton Sieben para o cargo de diretor temporário da Universidade Federal do Norte do Tocantins - UFTN. É a primeira universidade criada no governo Bolsonaro, que se torna realidade depois de uma luta intensa do senador Eduardo Gomes.


Professor Airton Sieben. Divulgação

Perfil do diretor

Doutor e Pós-doutor em Geografia, pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU, 2012 e 2015, respectivamente). Mestre em Geomática (Engenharia Agrícola), pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM, 2004). Graduado em Geografia (licenciatura e bacharelado, 2002 e 2004, respectivamente), pela UFSM. Professor da Universidade Federal do Tocantins (UFT), desde o ano de 2004 e professor do Programa de Pós-graduação Mestrado Interdisciplinar em Estudos de Cultura e Território (PPGCulT), desde 2015. Coordenador do Laboratório de Cartografia e Estudos em Território (LCET), da UFT/Araguaína. Vice coordenador do curso de Geografia e membro em várias comissões de gestão. Participa em grupos de pesquisa e consultor de revistas científicas. Tem experiência em Geografia com ênfase em território, população e cartografia.

UFTN

A Universidade Federal do Norte do Tocantins (UFNT) foi criada por meio da Lei 13.856, no dia 8 de julho de 2019, pelo desmembramento dos câmpus de Araguaína e Tocantinópolis. A criação da UFNT atende a necessidade de expansão do ensino superior na região Norte do país. A Universidade beneficiará cerca de 1,7 milhão de habitantes, abrangendo 66 municípios do Tocantins, Pará e Maranhão.

Veja o vídeo do momento em que o presidente da República sanciona a lei de criação da UFTN:




Nenhum comentário:

Postar um comentário